Escravo no Mingau

13 de maio

Meu querido diario,

Oje foi um dia muito legal. Semana que vem é o meu aniversário de 8 anos e minha mãe vai fazer o bolo da sinderela. Não sei se dô meu convite pra Luana. Pró Jacira falou dos escravos, mas ela não entende nada de escravo. Ela é muito engrassada porque usa um oclinhos bem pequenininho e uma vozinha bem fina. Eu gosto muito de pró Jacira, mas hoje ela falou de escravos e eu dise que não gosto.

Foi asim. Ela saiu da mesa e falou turma hoje comemoramos o dia de libertassão dos escravos. E eu levantei a mão e dise logo pra ela que não gostava disso, porque minha vovó Bia vive botando escravo no meu mingau. Eu já falei para vovó bia parar de botar escravo no meu mingau, mas ela sempre bota! Mas aí a pró Jacira falou que não éra nada diso, que o que minha avó coloca no meu mingau é outra coisa pra deixar mais gostoso igual canela ATE PARECE e que o escravo veio pro brasil obrigado e tudo era feito com escravo. Pró Jacira é bem maluquinha. Onde ja se viu tudo com escravo. Macarrão com escravo, amburger com escravo… ECA! Na minha festa eu não vou convidar Luana, mas talvez ela venha porque Luana é minha amiga. Mas ela é muito xata e se acha e também ela danssou com Beto na quadrilha do ano passado. Aí eu só fui pegar o meu xapeu rapidinho e quando voltei Luana tava la no meu lugar. Eu fiquei muinto xatiada, mas ela vai ver o que é bom pra tosse: xarope! De mel, alho, limao, jenjibre e cebola roxa, igual o que vovó Bia faz quando eu to gripada. Eu nao gosto de xarope e de escravo no meu mingau. A pró Jacira dise que eça coisa de escravos nao é bom e perguntou se eu entendi. Agora eu disse que entendi! mais aí ela continuou e falou da princesa Isabel que apareceu pra liberar os escravos, mas eu levantei a mão denovo e falei bem divagar, pra pró Jacira entender, que não é MINHA MAE ISABEL que libera o escravo no meu mingal, É MINHA VÓ BIA! A pró Jacira respirou fundo, parece que ela não entendeu nada do que eu dise. Acho que ela é que nem vovó Bia. Que gosta de escravo no mingau. Mas eu nao gosto e pronto! Adulto gosta de coisa muinto estranha e deixa tudo muinto complicado. Agora vou escrever um poema. No ceu eu vejo uma estrela, na tera eu vejo uma flor, essa flor se chama Beto. Beto que é meu amor.

Compartilhar